7 de janeiro de 2012

E agora?

Como eu queria não ter perdido parte de mim pelo caminho. Sinto que me interrompi... Amne

2 comentários:

Eduardo disse...

Olá poetinha, passei aqui no seu blog, gostei! Continue escrevendo, quando quiser, visite o meu!Acho que vai achá-lo bonitinho! Na categoria infância muitas histórias legais de criança!

Um abraço,

Eduardo

www.maneirasimples.wordpress.com

João disse...

Nossa , que triste e bonito Amne!