29 de dezembro de 2009

2009 um simples Desatino


2009 é muito e também não é nada pra mim!
Eu achava que havia me recuperado melhor deste ano que graças ao papai Noel ou do céu (eu realmente não sei...rs) finda esta semana.
Mas ao que se apresenta, provavelmente este ano deixou feridas que ainda não possuam formas de cicatrização...o bom das feridas é que te indicam o ferimento que existiu ali, fica mais fácil de se cuidar melhor.
Tentei mandar no tempo e construir máquinas imaginárias, me joguei do sétimo andar ao menos uma vez, e foram várias as tentativas de cavar um buraco no chão com os olhos...
Cavei tanto que acabei indo parar na China,e suas leis frias.
Parei enfim de fazer planos e estabelecer metas, isto sim me esgotou e frustrou profundamente este ano, com esta minha “vista” que tudo e nada vê...
Parece que o universo é mesmo quem manda.
Talvez aquela história da hora certa pras coisas seja mesmo verdade, porque não tem nexo algum, querer arrumar as coisas e elas se tornarem cada dia mais bagunçadas, parece que o fardo é um pouco maior do que eu acreditava que fosse.
Parece que ainda tenho um “bocado” pra aprender.E mais e mais e mais...Guimarães disse já ” Viver é etecetera...”
Acabei transformando minha vida, em apenas um ano, em uma extensa reclusão.Pseudo proteção barata de quem tinha medo de crescer. Minha reclusão foi algo extremamente difícil e necessária p mim...uns chamam de depressão, eu chamo de pausa!
Momentinho de olhar pra si, como se faz nas últimas horas antes do último suspiro por aqui.Peneirando medos, erros e acertos pra melhorar a vida.
Aprendi. E posso até bater no peito por isso...
Aprendi com muita dificuldade , que por mais certo que seja, nada mas absolutamente nada justifica um erro. E um acerto também não é digno de palmas, por ser um acerto e pronto.
Independente disso tudo, de alguma forma não podemos deixar enquanto for nossa responsabilidade que laços se quebrem por problemas internos e nossos , neste caso apenas meus...
Desde criança alguém dizia (não sei exatamente quem me dizia isso): “Uma conversa muda o rumo de uma guerra” ...passei anos mastigando palavras, digerindo idéias vomitadas em pouco mais de 3 dias. Atiradas como dardos.
Fazia muito tempo que eu não olhava tanto pra fora, o mundo acontece e a gente nem vê, todo dia e o tempo todo...o mundo “é um monte de coisas pequenas juntas”.
Mas somos mesquinhos em nossas tristezas absolutas, que até é preciso que te mostrem a lua...
E ali olhando pra lua fica fácil de se ver completamente só, e perceber que amor é algo que cabe na mão.E também é como um passarinho ferido em sua delicadeza de não mais voar, morrendo macio entre nossos dedos.
Algo passível de reconstrução?
Nada é nada e ponto. Percebi que até a escuridão tem variação de tons, neste ano...
Me tornei maior com meus erros maiores ainda.
Se eu tivesse criado uma máquina do tempo certamente faria tudo diferente...sendo mais honesta com vida!
Só quem perde algo se levanta pra procurar, mesmo no escuro.
Mas é pra isso que o tempo é dividido em passado, presente e futuro.
É pra gente ter a chance de fazer melhor, viver melhor, amar melhor, ser melhor.
As percepções se dão no silêncio da gente com a gente mesmo.Mas é preciso parar o mundo, o teu, e descer em alguns segundos da vida.
Isso é estar vivo.
Reconhecer a vida e fazer o que acredita. Correr contra o tempo?
Uma vez eu tive um problema, perguntei pra alguém com vidrinhos de sabedoria armazenada como proceder.Escutei “ Compre um relógio” . Com 13 anos de idade a gente definitivamente não sabe ao certo o que fazer com o tempo.Será mesmo que algum tempo é perdido?!?
Prefiro crer nos ganhos da coisa toda.
Equilíbrio é a palavra de ordem pras luas que virão. Nem tanto céu, nem tanta terra...nem a emoção da razão, nem a razão da emoção.
Definitivamente elas precisam ser separadas em minha vida que virá .
Parei de pensar nas nuvens, agora lotarei meus travesseiros com elas, e amarei quem sempre amei!E mais e mais e mais...
2009.Cheio dos contos dos meus dias.
Com a integridade da ausência do peito que bate ao seu lado.
Mundos particulares cheios de essências vazias.E a vida é tanta...
Desejo mais pra nós, nós todos!!!Em 2010 e pra sempre.
Em menos de uma semana se encha de amigos...de chocolate...de gargalhada de criança!
Erre, mas acerte em números maiores.
Valorize as pequenas coisas e atitudes também.
Um bolo caseiro vale mais que uma festa inteira...bem mais.Eu sei.
Olhe pra quem você ama, no fundo da alma da pessoa, e relembre o que lhe fez se importar e pra sempre.
Acredite no lado bom que todo mundo tem...aposto que cada um de nós conhece alguém vidrado por cinema, por velhinhos, por desenho animado, por futebol, por pipoca, por papo no botequim...por coisas...por pessoas.
Apenas separe o joio do trigo e tente desesperadamente melhorar o mundo! O teu mundo!
Eu tenho uma amiga que adora colagens e canetinhas coloridas, e ela é incrível.
Tenho um outro amigo que curte medicina ayurvédica, ele também é demais...atrapalhado, iluminado e incrível.
Conheço uma menina que acha que é gente grande, e quer por que quer fazer uma tatto no verão...daquele tipinho incrível...
Conheço uma mulher que tem 3 filhos e rala muito pra cuidar deles, mora longe de mim...mas também é incrível...
Tem uma moça que é meio morena e meio rosa...sabe tanto ou mais de MPB que o Tom...rs ...e ela é incrível.
Conheço um poeta preso em um mundo diferente, ele tem um coração enorme e adora café...quando a gente se encontra sempre parece que faz tempo, por isso ele é tão incrível.
Tem um senhor que é menino e é meu amigo, ele ta “bombando”, porque ele é simplesmente incrível!
Tenho uma amiga, daquelas do peito, que quer casar em 2010...anda preparando as coisas e reclamando rs...e ela é incrível!
Conheço um rapaz incrível que me disse que em 2010 vai voltar a tocar clarinete.
Tem um que troquei o nome pra um simples som, ele tem uma capacidade incrível de me fazer sorrir toda hora ...é incrível...
Eu conheço e Amo cada um com uma forma diferente de amor...
E desejo PAZ!
Eu...
direto da "Pokebola" , deixando pra trás em 2009 as lembranças de um ano insignificante na tristeza, mas cheio de estrada.
Virando a página do agora, porque evoluir é preciso!
Ahh, comprei o relógio!
Lá vou eu lidar melhor com o tempo mais uma vez
...e que assim seja!

Amne

2 comentários:

Thati Dias disse...

Eu disse que uma temporada na pokebola ia te fazer bem, né?
Beijocas... e que venha 2010! Com tudo!!! Beijocas....

cervan disse...

grato pelo "incrível"..rs

bjos