26 de abril de 2009

Lasciare che vanno



Decisões do Espelho

Acordei disposta no acordar.
O espelho tão incisivo,
nunca me encarou tão sério.
Parece que andei permitindo sonhos vazios demais,
para tanta permissão.
Porque é no fim que aparece todo o começo,
nos perdemos novamente.
Porque eu andava mesmo em falta com meu espelho
...andei me perdendo de tudo aquilo que construí...
me permiti fugir,voltar,voar e o final solidão.

Sai do caminho que eu vinha semeando minhas flores,
todos os meus valores...
desenhei no escuro, chorei no escuro...até sorri no escuro!
Perdida e com medo.
Agora eu sei que mesmo no escuro, luz ( a minha ).
Para à solidão, companhias (todas que me cabem).
Para à chuva, amigos ( que conhecem cada centímetro do meu caráter!).

Cada dente meu, eu fiz renascer nos últimos anos...
"tantos planos"...
E num passe de mágica,
Aniquilei com o meu sorriso!!!
...como pude ser cruel assim?

Pediram dia desses, que eu não fosse embora.
Parece depois da tempestade,
Que continuo no mesmo caminho torto
(Me fazendo mal)
Permitindo que ditem o que sou, o que mudou em mim
Mas sou tanto, e sou muito...
e nem acredito no que ando escutando.
Fico aqui deixando de ser eu!(Porque sou tola)
Perdendo-me, depois de tanto me achar...

Vozes Puras me assombram, na tentativa de me fazer menor.
De derrubar tudo aquilo que construi a duras penas...
"penas" que sinto por mim!
O engraçado é que alguns se espantam com meu tamanho.
Me abraçam, e me convidam, e me levam no sorrir...
Demasiadamente.

Hoje o espelho me disse baixinho
Num tom severo:
VOCÊ!
Eu olhei bem fundo nos meus olhos,
Achei até minhas grandezas.
E tomei muitas decisões!

Amne

2 comentários:

Alana disse...

Pedi e o faço de novo: don´t leave.
E tem mais, "Nenhum homem, por nenhum período considerável, pode vestir uma cara para si mesmo e outra para a multidão, sem que, finalmente, venha a se confundir completamente sobre qual delas talvez seja a verdadeira." - Nathanial Hawthorne.
Você ainda sabe qual é a verdadeira. Não se confunda.

Beijos, estrela!

uma poetinha... disse...

Menina...vc é o "CARA" ...valeu!!!