24 de setembro de 2009

Queimando


"Dizem que transformo realidades
O que aprendi foi observar pessoas
Na realidade sensibilidade,
tal qual a beleza
Quando extremada
Dói.
A minha realidade é ácida,
e meus olhos falam bem mais que minha boca
ou a capacidade do papel
Ainda não sei onde vou parar!"
Amne

3 comentários:

Paula F. Campos disse...

Demais! Muito lindo! A foto combinou demais... Isso é tão feminino... Amei!

Rodrigo Bentancurt disse...

Muito bom, dona Poetinha! A Paula já disse muito feminino e acho muito bonito o que vem de vocês.

João disse...

"Sentir até doer..."

sintomatologia de gente que busca a paixão edípica e vulgar, da próxima vez que for escrever algo assim te passo o n´´umero do meu Rg para colocar como título, o que acha? rsrs